Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Madonna, Dear:

Interrompi o meu dia de trabalho para vir aqui dizer-te que no meio desta "enchorrada" de críticas malinas, eu compreendo-te, miga! Sim, estou contigo. 

 

Bem sei o que estás a sentir,  o apoquento que te sobe peito a cima (com alguma dificuldade que essas peles já não têm  a rijeza de outrora), e o desassossego que te invade o pequeno órgão vital. Sim, esse coração ferido, que gostou de Lisboa por amor desde o primeiro momento, e que agora se vê de “artérias e válvulas ” atadas, incapaz de dar continuidade a esse promissor estado ardente. 

Bem sei, Mámá, o que é chegar a esta Lisboa e cair de quatro pelo estádio da Luz. O que é querer viver ali coladinha à estátua do Eusébio, que podia perfeitamente ser "tio-avô" das tuas pequenas craks da bola! Eu sei. 

Tal como tu, também eu quis construir uma maison nesta cidade, também eu julguei que seria possível instalar-me de forma permanente num bairro com cheiro a pastel de nata, e onde pudesse andar descansadinha na rua. Eu no meu rico anonimato, tu correndo o risco de ser confundida com a Àgata, na pior das hipóteses.  

Contudo, Mámá, ninguém nos contou a boa da verdade….Ninguém foi capaz de nos dizer que o mercado imobiliário está pela hora da morte,  e que precisávamos ter começado a assinar papelada no tempo do "like a virgin", se quiséssemos  adquirir um pequeno T2 lá para meados de 2020. Ninguém. E pé de meia? Como é que uma “soa” como tu consegue agora comprar casa para essa rebanhada de moços? Pôsconceteza que não consegue! Está tudo pela hora da morte, filhinha. Tu-do. 

 

Claro que o que te aconselho é a sair do centro e alargar as buscas para a periferia.  Custa? Custa… mas pensa positivo: Odivelas está a tornar-se "a cara da chiqueza" e é mesmo ali ao lado! Ou o Seixal, por exemplo, que fica mais fora de mão mas que dá um jeitaço  na hora de  levar “as meninas” ao treino. 

 

Bem sei que  a Avenida da República é mais o teu número, ou que ficar pertinho do Marquês resulta num posicionamento brutalmente estratégico na hora de comemorar os títulos encarnados... Penso o mesmo!

Mas sê forte e realista...agarra-te com tudo ao facto da vida ser bem mais em conta para lá da nossa LX! Tu faz contas e vê bem o que se poupa em nails, depilações e parquímetros! Em tinta, para retocar essas luzes!  Pensa nas tuas babys-Mantorras, e no quão  se sentiriam em casa ali para os lados da Amadora!

E se nada disto for suficiente, então pensa que não estás sozinha, e que deste lado bate um coração igual ao teu. Igualmente desapontado, e talvez ligeiramente menos provido de numerários, vá. 

 

Quando quiseres desabafar, beber um coffe, bater um papo…. Estamos juntas! Miga. 

2 comentários

Comentar post