Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Preciso mexer o rabo mas não me apetece fazer nenhum.

 No outro dia perguntei ao homem se me achava mais gordinha (porque pensei que estava mais delgada e apeteceu-me muito ouvi-lo dizer ‘’qual quê, estás um naco!’’) e qual o meu espanto quando, entre o espelho do corredor e a mesa da sala, se vira e diz: hum, estás com o rabo um bocadinho maior, realmente. 

Tau, caiu-se-me a confiança interior ribanceira a baixo!

Como assim???? (Não pensou nas consequências antes de falar, só pode! )

Depois lá percebi o que ele quer dizer: basicamente, como não faço ‘’isto’’ desde Agosto, está tudo um bocadinho mais arredondado…. O homem tem razão! Estas carnes santas, outrora rijas e firmes, estão agora meio molengonas, acusando as muitas horas que passo sentada ao computador, seja no blog, no escritório, ou no sofá a ver séries!

Hoje dei por mim a pensar que preciso fazer qualquer coisa mas que não me apetece fazer nada. Não quero ir para o ginásio, não quero malhanço  puro e duro… quero uma actividade nova que me traga ar e equilíbrio! Que seja barata, de preferência.

Pensei experimentar o HOT YOGA, mas não só custa 70 e muitos euros por mês (nos bons estúdios paga-se sempre muito), como não tenho horário para frequentar as aulas das pessoas normais. A última do dia começa às 19h30 e eu nunca saio da SIC antes dessa hora. 

E  pronto, nestes pensamentos ‘’fitó-coiso’’ concluo sempre que correr é a melhor opção. É fácil, não exige matricula, não é pago, e posso correr quando e onde me apetecer…. Mas e a vontade senhores?

Vem aí o verão, o corpitxo  todo ao leu, e pode ser que o calor me traga entusiasmo, sei lá!

Para já uma única certeza: preciso contrariar esta molenguice! Preciso de me cansar,  de encontrar qualquer coisa que me permita descarregar a catrefada de stress que vai dentro desta alma... sugestões? Grupos de corrida? Contem-me tudo. 

 

Help.

 

 

 

8 comentários

Comentar post