Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O MEU TOY.

 

1726.jpg

Quando vim viver para Lisboa, comprei no Lisbonlovers um fio com uma medalhinha do Santo António. 

Na altura, representou um marco de mudança, um símbolo de chegada à cidade mais bonita do mundo. Um registo de adopção!

O Toy-careca, assim o trato na intimidade, esteve comigo desde que pisei Lisboa pela primeira vez . NUNCA mais nos largámos. Usei a medalha ao pescoço TODOS os dias da vida... até a ter perdido! :( Desde então que procuro uma medalha igual à minha mas sem sucesso! Uma tristeza. Não tem a ver com crença nem com religião, não sou sequer supersticiosa, mas o certo e sabido é que muitas vezes, na hora da aflição, sentia ali um amigo. Uma protecção qualquer. Um vai correr tudo bem, uma espécie de olhinho que me era lançado lá de cima, e que impedia de esbardalhar por aí. Que me mantinha inteira. 

Posto isto, se alguém souber onde posso encontrar uma medalhinha IGUAL A ESTA, lance fumo branco! É que sem o meu Toy ao pescoço não me sinto a mesma.

É um desconsolo. 

 

 

 

2 comentários

Comentar post