Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Shiu... este spot (ainda) é segredo !

No outro dia publiquei uma foto de férias, num cenário bem lindinho, e recebi DEZENAS de mensagens a querer saber onde fica o esconderijo desta pequena Ursa que vos escreve :)

Houve quem me perguntasse se estava em Bali (ahahaha), se estava novamente na Tailândia (deves!), longe de imaginar que este pedacinho de paraíso fica aqui mesmo ao lado, mais propriamente em Aljezur.

Se é bem lindo? É. Se é super “capa de revista” ou “instagramável”? Muito! Mas este não é um refugio para todas as alminhas… especialmente para aquelas que como eu têm piquinhos no pipi, que é como quem diz, não sabem parar sossegadas no mesmo sítio. 

Aconselho a TODA A GENTE para 1 dia ou 2, especialmente se estiverem com a energia e paciência nas lonas, a precisar desesperadamente de um isolamento à escala mundial, ainda que sem orçamento para voar até ao Tibete! É perfeito.

Mais do que dois dias?  Diria que só mesmo para aqueles que possuem um pequeno monge dentro de si. Para os fãs da meditação e dos Yogas, e todas essas coisas que me dizem "zerinho". Para os amantes incondicionais da natureza, da bicheza, e afins! Para esses... vão com tudo! 

Ora então vamos lá saber o que é que este spot tem de especial: 

 

- Para inicio de conversa, fica para lá de onde o Diabo perdeu as botas…as calças, a camisa, a farpela toda! Importa dizer que para lá chegar é preciso atravessar um verdadeiro “matagal”, pouco aconselhável a pessoa sensíveis ao nível do enjoo e da claustrofobia. É sempre a subir por montes e veredas, veredas e montes! 

Eu, que escolhi o hotel sem pedir cavaco a ninguém,  só via o homem revirar os olhos e ouvia-lhe os pensamentos gritando “mas para que fim de mundo é que esta maluca me leva?”.  Já vos disse que aquilo é um matagal? Já. 

CONSELHO: Não lavem o carro antes das férias. É escusado.

 

- Quando vos digo que aquilo é ZEN é porque é mesmo! Se tiverem um turbante daqueles estilo Chef Chakall em casa, está na hora de lhe darem uso! Uma toalha de mesa também serve, ou um pareo de praia. Vale tudo! 

Nesta Quinta da Natureza (é assim que se chama, e se não é, é parecido), não há luz exterior, e assim sendo,  se estiverem a pensar jantar fora certifiquem-se que levam os telemóveis carregados. Sim, porque sem a luz da lanterna dificilmente encontrarão a porta do quarto! Se conseguirem estacionar o carro sem se cravarem num pinheiro, já é uma sorte! 

Depois, não contem com series nocturnas, nem com filminhos no meio de um monte de almofadas brancas e perfumadas! Not. Ali não há televisão nos aposentos. Essa é outra particularidade que poderá agradar muuuito a gregos mas pouco a troianos. No quarto, não há cá pão para malucos: ou dormes ou praticas o mais belo amor! Mas baixinho... que aquilo vive do silêncio, e ninguém quer ser o tema de conversa na manhã seguinte, à mesa do pequeno almoço. Certo?

 

- Ora ainda no tema televisão, se quiserem mesmo, mesmo, dar uma espreitadela no programa do Tio Manel e da sua (ex) Tininha, podem sempre passar pela sala! Isto porque outra das particularidades l passa por promover o "cumbibio" entre hospedes. Poucos, que só há 4 quartos, mas ainda assim o espírito colectivo. Há televisão na sala, com filmes e livros e cenas, há uma cozinha comum e aberta, onde se pode preparar refeições (pessoalmente apetece-me tanto cozinhar nas férias como vender bolacha americana na praia), há vinho, snacks e café, tudo como se estivéssemos em casa e nos apetecesse morder qualquer coisa! É um verdadeiro esconderijo, muito propicio ao "ajuntamento" da hipster(zada), com tendência para o alternativo. Mas no bom sentido da coisa :) 

 

Isto para vos dizer que gostei MUITO mas que não me imagino a passar lá mais do que um fim de semana! Mesmo porque não custa "três tostões" ;) 

A dona da quinta é extremamente simpática, prepara um pequeno almoço muito jeitoso, e assim de repente não me lembro de mais nada que possa ser relevante. 

 

Esta foi uma descoberta um bocadinho "ao calhas"... como tinha sido a minha AMADA Herdade do Amarelo, ou o meu querido MEMMO em Sagres. Só que num registo mais "bruto"... mas  também brutalmente elegante, entenda-se! 

 

Esta foi a foto que publiquei e gerou burburinho:

 

40287382_219535928918111_114916316770467840_n.jpg

 há mais fotos (e videos) no instagram.

 

love*

Elza 

 

 

2 comentários

Comentar post