Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Uma segunda Domingueira

Untitled-1.jpg

 No sofá a começar este livro. A beber chá de menta com pau de canela, com manta nas pernas e sol a entrar pela janela. O dom-homem a transformar a sala num ateliê. A forrar a mesa com jornais e a testar novas ideias. A brincar com as cores. 

E neste silêncio molengão confundo os dias. É Domingo? Não. É segunda-feira e este descanso caseiro sabe-me a pato com laranja. Ou a abacate com pão. Mnhami.